Deus Targ

Características

- Domínios: Pragas, Agonia e Sofrimento.
- Sumo-Sacerdote: Thallen Devendeer.
- Tendência: Neutro e Maligno.

História

Targ, existe desde tempos imemoriais. Sempre extraindo forças das desgraças de qualquer ser vivo, preferindo afetar grandes populações, através de criaturas espectrais conhecidas como sugadores, que acompanham o indivíduo desde seu nascimento até a morte, removendo todas as boas energias e transferindo para o seu mestre. O maior alvo dele eram os humanos, não só pela sua grande capacidade de reprodução e expansão, ou pela sua vida mais duradoura do que a de outras espécies, mas sim os fortes sentimentos e determinação que poderiam ser sugados, a sua maior fonte de poder.

O deus ficou ganancioso, e tentou expandir o alcance de seus sugadores para o povo draconato de Andrágoras, acreditando que conseguiria ainda mais poder. O grande dragão descobriu sua tentativa, imediatamente o encontrou e com grande demonstração de fúria e poder destruiu seu corpo. Entretanto, Targ conseguiu estabelecer sua existência no mundo dos pesadelos, embora muito fraco, acabou perdendo todos os sugadores que controlava no mundo real.

Após séculos como uma criatura fraca e risível, comparado com seu status anterior, ele conseguiu reunir um pouco de seu poder e enviar um único sugador ao mundo, e começou a colher a energia de um pequeno bebê, então usou essa energia para infectar outra… E assim, aos poucos foi recobrando uma parcela de seu poder, infectando e amaldiçoando todo o povo do reino de Narkem, que mais tarde ficaria conhecido como “O Reino da Desgraça”, pelo fato de a maior parte do seu povo ser deficiente de alguma forma física ou mental, ou simplesmente não conseguir progredir e curtir as alegrias da vida, devido à Praga.

E assim, um reino que um dia foi próspero, hoje luta para sobreviver às adversidades do mundo inóspito de Othora, somadas com a praga que assola seu povo. Somente o rei da cidade, Ahron, conseguia manter um pouco da ordem, e numa busca por respostas, ouviu um xamã que disse que ter ouvido de um espírito, que o deus antigo Targ estava zangado com seu povo e queria oferendas, mas não as podres e enfermas, ele queria crianças saudáveis e puras.

Então, eles começaram a sacrificar alguns daqueles que nasciam perfeitos numa árvore mais antiga do que o próprio povo, chamada de Árvore Devoradora, como oferenda ao deus maléfico, achando que assim as próximas gerações poderiam prosperar, quando na verdade, estavam somente aumentando o poder do profano e eliminando as boas proles, deixando somente aquelas que continham os sugadores, enquanto Targ aguarda silenciosamente tramando seus planos de vingança e juntando forças para construir um corpo real ainda mais poderoso do que o anterior e ter a sua vingança.

deus_targ.jpg

Deus Targ

Othora - As Crônicas da Alvorada marcellogalhardo marcellogalhardo